Araçatuba,
Texto Menor
Texto Maior
Contraste
Portal da
Transparência
Acesso à
Informação
e-SIC
Verdade ou Boato
Confira se uma notícia é verdadeira ou falsa
Notícias
21/05/2009 17:18:46
Vereador Joaquim estuda nova sede para Casa Lar Shalom

O vereador Joaquim da Santa Casa (PDT) está analisando a possibilidade de se construir uma nova sede para a Casa Lar Shalom, hoje situada no Parque Industrial, na zona oeste de Araçatuba. O objetivo é propiciar melhores condições de vida e atendimento às crianças e jovens da unidade, mantida pela Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). A casa é o primeiro abrigo de Proteção Especial do interior de São Paulo.

Criada em 11 de dezembro de 1999, a entidade atua em prol dos deficientes mentais, com idade acima dos 12 anos. Inicialmente, as alas feminina e masculina funcionavam no mesmo local. Hoje, os 26 moradores de cada ala vivem separados - são 13 homens e 13 mulheres e o aluguel total custa R$ 2.300. Os residentes apresentam em comum a deficiência mental, que varia do nível moderado ao grave. Todos são encaminhados ao lar pelo Fórum e Conselho Tutelar.

A maioria dos recursos para manter a casa vem do governo federal - 83% - e o restante do município - 17%. Embora atue no auxílio aos atendidos, a entidade não possui as adaptações necessárias para atendê-los. Na acomodação masculina, os quartos coletivos são deficientes e necessitam de reparos. O contra-piso dos quartos, a falta de azulejos no banheiro e as más condições das portas e das janelas são as principais reclamações. Já no bloco feminino, a reivindicação maior é por espaço físico. O anseio dos diretores, há alguns anos, é que uma nova estrutura abrigue os moradores.


De acordo com Cléia Dalva Souza Parreira, presidente da Apae, a criação de uma casa adaptada é uma necessidade. "É preciso uma casa com câmeras, cerca elétrica, portas e janelas adequadas. É um sonho ter uma casa própria", disse.


A entidade conta com o trabalho de 15 profissionais, entre assistente social, psicólogo, coordenador, mãe social e atendentes. Todo apoio é bem-vindo pelos atendidos. Na avaliação de José Furtado de Mendonça, diretor da Apae, um espaço próprio traria uma melhor qualidade de vida aos residentes. "Por ser alugado, amanhã ou depois o proprietário pode necessitar desse imóvel e teremos dificuldades para conseguir outro local adequado para abrigar os moradores", observou.


Durante visita às dependências da Casa Lar Shalom, o vereador Joaquim da Santa Casa (PDT) destacou que a Câmara está empenhada em conseguir uma nova construção e instalação. Segundo o parlamentar, a ideia é montar uma comissão de três vereadores com a finalidade de viabilizar a construção de uma nova sede para a entidade, junto ao governo do Estado e ao Executivo. "Uma nova construção com a adequação necessária melhoraria a vida dos moradores", afirmou.

Fonte: Assessoria de Comunicação: Carlos Demarchi/ Foto: Angelo Cardoso
Compartilhe: