Araçatuba,
Texto Menor
Texto Maior
Contraste
Portal da
Transparência
Acesso à
Informação
e-SIC
Verdade ou Boato
Confira se uma notícia é verdadeira ou falsa
Notícias
20/04/2008
Banco do Brasil festeja 66 anos de Fundação em Araçatuba

Banco do Brasil festeja 66 anos de Fundação em Araçatuba

O Banco do Brasil comemora aniversário de 200 anos que foi instalado no Brasil.. Em Araçatuba a instituição bancária faz 66 anos, história que confunde com a história de fundação de Araçatuba. Para comemorar a data, foi realizado um café da manhã na agência central localizada na praça Rui Barbosa.

Durante a comemoração de aniversário, funcionários, ex- funcionários e antigos clientes foram homenageados. O prefeito Jorge Maluly Neto, entregou um mimo a Ana Tereza Cerizza, primeira mulher a tomar posse na agência de Araçatuba, no ano de 1971. O presidente da Câmara, vereador Antônio Edwaldo Dunga Costa, homenageou o funcionário aposentado senhor Hiroshi Shinzato, que começou a trabalhar na agência de Araçatuba, no ano de 1957.

Um dos clientes mais antigos do banco Nicolau Fares, representado na pessoa da filha dele, Gladys May, foi homenageado pelo relacionamento e fidelidade ao Banco do Brasil desde 1942. Ainda foram lembradas durante o evento, a senhora Cyrene Camargo Baptista, Ricardo Rodrigues Munhoz e o mais novos clientes Caroline Yoshie Isami e Alessandra Meiko Isami, estes dois últimos pela confiança depositada ao Banco desde muito cedo, com a aquisição de planos de previdência privada em 2008.

Em seu discurso o presidente da Câmara, vereador Antônio Edwlado Dunga Costa, destacou a importância do Banco do Brasil no desenvolvimento de Araçatuba. "Essa instituição bancária ajudou e ainda ajuda muito o homem do campo. Araçatuba foi muito beneficiada com as ações desta instituição bancária, nossa cidade se desenvolveu graças ao homem do campo. O Município foi se desenvolvendo, e passou por vários ciclos econômicos. O primeiro foi o do café, a seguir o do Algodão e, a partir dos anos 50, veio o da pecuária, que predomina até os dias de hoje, dividindo sua importância, atualmente, com o setor sulcro-alcooleiro", concluiu Dunga.

Compartilhe: